-->
Home | Highlights | Modern Logistics começa a operar Boeing 737-800 NG após certificação da ANAC
Postado em 26 de março de 2024 | 17:09

Modern Logistics começa a operar Boeing 737-800 NG após certificação da ANAC

É a primeira das duas aeronaves adquiridas recentemente pela empresa; a previsão é que o segundo NG seja entregue ainda neste primeiro semestre.

O primeiro Boeing Converted Freighter (BCF) 737-800 NG (New Generation), adquirido no ano passado pela Modern Logistics, recebeu a certificação da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) para iniciar operação no espaço aéreo nacional. É o primeiro de dois Boeings 737-800 NG adquiridos recentemente pela empresa.

A aeronave certificada já começou a operar e a previsão é que o segundo NG seja entregue neste primeiro semestre.

Segundo a companhia, o processo de certificação do primeiro Boeing da Modern Logistics envolveu todas as áreas da empresa nas diversas etapas, desde o estudo de viabilidade econômica e escolha do modelo de aeronave, passando pela revisão de manuais e procedimentos internos, treinamento de pilotos, mecânicos e engenheiros, até os voos de avaliação operacional realizados com o acompanhamento e supervisão do órgão regulador ANAC.

No mesmo processo de certificação da aeronave, a Modern obteve aprovação para realizar operações na América Central com seus novos dois Boeings 737-800 NG. “Estas três autorizações estão alinhadas à nossa estratégia de expansão no mercado internacional e de otimização da estrutura de custos por meio da melhoria de processos e do uso de tecnologia”, destacou o CEO da Modern Logistics, Cristiano Koga.

NOVOS BOEINGS: MAIS CARGA E ECONOMIA

De acordo com a companhia, as duas aeronaves de “próxima geração” (NG) são um marco importante para a Modern, “que se torna o primeiro operador de logística integrada no País e na América do Sul a contar com os 737-800 NG convertidos para cargueiros. Desta forma, a companha elevará significativamente as suas capacidades de carga e o alcance de voo.” Ambas as aeronaves são arrendadas através da Babcock & Brown Aircraft Management (BBAM).

A Nova Geração de 737 é mais econômica em termos de toneladas-quilômetros transportadas e tem uma capacidade de carga aproximadamente 10% maior do que a geração anterior de 737. A primeira aeronave foi certificada pela PCA Airworthiness, além da aprovação final da ANAC.

 

 

 

Fonte: Mundo Logística


123 queries in 6,254 seconds