-->
Home | Jornal Multimodal | Friozem investe R$ 70 milhões em mudança de sede no Rio Grande do Sul
Postado em 15 de abril de 2024 | 17:06

Friozem investe R$ 70 milhões em mudança de sede no Rio Grande do Sul

Segundo a companhia, o destino será o Ecoparque Empresarial Lourenço & Souza, localizado em Sapucaia do Sul, na região metropolitana de Porto Alegre.

A Friozem anunciou investimento de R$ 70 milhões na mudança da filial gaúcha, que atualmente fica no município de Esteio, Sapucaia do Sul, na região metropolitana de Porto Alegre. O destino será o Ecoparque Empresarial Lourenço & Souza. Inicialmente, a operação terá 15 mil m² e 26,4 mil posições paletts, contando com uma área de expansão projetada para chegar a 37 mil posições de armazenagem.

Segundo a companhia, a chegada da empresa paulista deve gerar cerca de 500 novos empregos diretos na região. Para o diretor-presidente da Friozem, Fábio Galesi Fonseca, a mudança da estrutura no Rio Grande do Sul está ligada ao plano de negócios e o crescimento das operações nos últimos anos.

“A escolha pelo Eco Parque Lourenço & Souza decorre de uma série de fatores, sendo que dentre eles, se destacam a proximidade com a nossa operação atual, o que possibilita a manutenção de todos os nossos colaboradores; o posicionamento logístico e também a solidez do condomínio empresarial, desde a família proprietária, algo similar a nossa realidade, de também sermos uma empresa familiar”, avaliou o executivo.

Com a nova aquisição, o Ecoparque Lourenço & Souza, que fica às margens da BR-116, chegará a 16 empresas instaladas em 82 mil m² de galpões. As locações também mobilizam mais de 1,5 mil empregos diretos.

“A chegada da Friozem é um processo de consolidação da nossa estrutura e que demostra o reconhecimento do mercado ao nosso trabalho e a velocidade que o empreendimento adquiriu a partir de 2023. Com essa nova operação, vamos chegar a mais de 80 mil metros quadrados de área construída. Nosso objetivo em 2024 é expandir mais 22 mil metros quadrados e, até o começo de 2026, concluir a área total do condomínio logístico que é de 120 mil metros quadrados de área construída e 245 mil de área total de empreendimento”, explicou o diretor de Negócios e Desenvolvimento do Ecoparque, Filipe Christianetti.

 

 

 

Fonte: Mundo logística


88 queries in 2,874 seconds