-->
Home | Anote | Demanda por conversão de jatos de passageiro para cargueiro dispara na Pandemia
Postado em 4 de março de 2021 | 17:07

Demanda por conversão de jatos de passageiro para cargueiro dispara na Pandemia

A demanda por jatos de carga fez com que o mercado de conversões de aeronaves se aquecesse e um novo recorde deve ser batido este ano. O fechamento das fronteiras e a queda drástica dos voos comerciais de passageiros acabou retendo o volume de carga que antes era transportado principalmente nos porões de carga das aeronaves.

Com isso, muitas destas cargas foram direcionadas a voos em aviões de carga, que começaram a faltar no mercado ainda no início de 2020 e que continuarão em falta nos próximos anos, ainda que o custo do frete esteja o mais alto dos últimos anos.

Nesta tendência, o número de aviões convertidos, ou seja, que já foram de passageiros e viraram cargueiros, aumentou mais de 9% no mundo nos últimos 9 meses, chegando a 625 unidades em operação no último mês.

Segundo dados da IBA.Aero, consultoria especializada em aviação, estes jatos são do modelo Airbus A321, Boeings 737-300/400/700/800, 757-200 e os clássicos McDonell Douglas MD-82 e MD-83.

© Iba Aero

O maior ator nesta categoria é o Boeing 757-200 com 298 unidades convertidas em operação, 7 a mais que no ano passado. O que mais cresceu foi o 737-800, que aumentou 21 jatos em operação, para um total de 51, um crescimento de 142% na frota.

E também é no 737-800 que se destacam as conversões futuras, com 39 programadas para este ano, número 44% maior que o de 27 aviões convertidos em 2020.

A única aeronave com tendência de estabilidade e queda são os 737-700, que estão sendo preteridos frente ao 737-800, de maior capacidade, além do MD-83, que começa a apresentar certa idade, com custo de operação e manutenção crescente.

 

 

 

Fonte: Aeroin


140 queries in 4,228 seconds