-->
Home | Oil & Gas | SBM abre oportunidades para startups criarem solução para detecção de corrosão nas plataformas
Postado em 2 de setembro de 2020 | 19:16

SBM abre oportunidades para startups criarem solução para detecção de corrosão nas plataformas

A SBM Offshore e a Fábrica de Startups lançam um desafio para o mercado: desenvolver uma solução de detecção de corrosão em plataformas marítimas com o uso de visão computacional – um segmento da inteligência artificial voltado para reconhecimento de imagens. A ideia é criar um algoritmo capaz de identificar e diagnosticar em tempo real anomalias associadas à corrosão de ativos offshore, como tubulações e equipamentos. Além de ser mais rápido, este processo traz também maior eficiência já que reduz a subjetividade da avaliação feita em inspeções presenciais.

Maurízio Serusi, diretor de Operações da SBM Offshore, disse que  Temos a inovação como um dos pilares da nossa estratégia e acreditamos que, por meio do engajamento com a comunidade empreendedora, é possível incentivar cada vez mais o desenvolvimento de novas soluções para o segmento offshore.” Em parceria com a Fábrica de Startups, a SBM promoverá um evento que reúne programadores, engenheiros, designers, entre outros em uma intensa maratona de trabalho com o objetivo de criar soluções específicas para determinado desafio. O melhor desenvolvimento receberá um prêmio de R$ 30 mil e a possibilidade de fechar um contrato com a SBM Offshore. Além disso, a iniciativa tem como atrativo para os participantes a oportunidade de networking com representantes do setor e mentoria técnica dedicada com profissionais altamente gabaritados.

Podem participar tanto startups já estruturadas quanto talentos da área tecnológica que trabalharão em grupos para resolver este desafio. O programa terá duração de 30 dias. Hoje, o gerenciamento de corrosão em uma plataforma flutuante é um trabalho bastante intenso, que requer inspeções longas na embarcação. Como a corrosão é um processo dinâmico que pode evoluir rapidamente se não houver mitigação, a frequência dessas inspeções também deve ser bastante alta para um acompanhamento seguro da integridade. As inscrições seguem até o dia 11 de setembro e podem ser feitas pelo: https://inscricoes.fabricadestartups.com.br/ocean-code-sbm/

 

 

Fonte: Petro Notícias


146 queries in 3,245 seconds