-->
Home | Oil & Gas | Alvopetro consegue licença definitiva para operar gasoduto na Bahia
Postado em 30 de junho de 2020 | 17:16

Alvopetro consegue licença definitiva para operar gasoduto na Bahia

A Agência Nacional do Petróleo (ANP) concedeu a autorização definitiva para que a Alvopetro opere o gasoduto Caburé, linha que vai escoar a produção da área individualizada formada pelos campos de Cardeal do Nordeste, Cardeal do Nordeste Leste, Caburé e Caburé Leste, na Bacia do Recôncavo. O duto já estava operando de forma temporária desde abril, após uma licença preliminar concedida pela ANP.

O gasoduto liga a área individualizada até a Unidade de Processamento de Gás Natural (UPGN) Caburé, em Mata de São João, operada pela Alvopetro. As atividades de comissionamento começaram em 21 de abril, com a entrega do primeiro gás natural de Caburé para a UPGN. Depois de passar pela unidade de processamento, o combustível será comercializado com a Companhia de Gás da Bahia (Bahiagás).

Esta será a primeira UPGN do país operada por uma empresa fora do grupo Petrobrás. De acordo com a ANP, a vazão de gás a ser escoada pelo novo gasoduto para a planta representará um aumento de 25% no gás disponibilizado na bacia do Recôncavo, que teve média de 1.170 mil m3/d por dia neste ano.

O contrato entre Alvopetro e Bahiagás garante fornecimento de 300 mil metros cúbicos por dia, triplicando o aproveitamento de gás do ativo. Os campos de Cardeal do Nordeste e Cardeal do Nordeste Leste são operados pela Imetame, que também é operadora da área individualizada. Já Caburé e Caburé Leste são operados pela Alvopetro.

 

 

Fonte: Petro Notícias


143 queries in 3,042 seconds