-->
Home | Jornal Multimodal | Terminal brasileiro alcança a maior movimentação de celulose do planeta
Postado em 10 de outubro de 2017 | 17:41

Terminal brasileiro alcança a maior movimentação de celulose do planeta

Com a marca de 100 milhões de toneladas de celulose embarcadas ao longo de sua história, o Terminal Portocel, no Espírito Santo, é o primeiro porto do mundo a alcançar esse feito. Especializado na movimentação de produtos florestais, o Terminal é responsável por 60% das exportações do produto no Brasil. O marco foi registrado no último dia 2, quando fez o embarque de 30.730 toneladas do produto, com destino ao Porto de Changshu, na China.

O terminal é operado em sociedade pelas empresas Fibria e a Cenibra, atingindo produtividade média de 24 mil toneladas/dia de celulose por navio. Além disso, o terminal Portocel é referência mundial em produtividade e competitividade e um dos únicos terminais do Brasil integrado a diferentes modais de transporte – rodoviário, ferroviário, tuboviário (dutos), marítimo de longo curso e cabotagem.

Com equipamentos e instalações apropriados para a movimentação de carga geral, atualmente, o terminal tem capacidade para embarcar 7,5 milhões de toneladas por ano. Há 30 anos, a capacidade era de 600 mil toneladas por ano. O Porto também está preparado para movimentar, com a mesma eficiência, outras cargas compatíveis com a celulose.

Curiosidade: O que são 100 milhões de toneladas de celulose?

Se enfileirados, os fardos de celulose equivalentes a 100 milhões de toneladas seriam suficientes para dar nove voltas na circunferência da Terra.
Empilhados, equivalem a 360 mil vezes a altura da Torre Eiffel, na França.
As folhas de celulose que formam 100 milhões de toneladas, se colocadas lado a lado, seriam suficientes para percorrer 360 vezes a distância da Terra à Lua.

Fonte: CODESA/ Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil

Deixe um comentário:

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*


136 queries in 3,260 seconds