-->
Home | Jornal Multimodal | Ministro participa do Fórum de Infraestrutura do Citi
Postado em 21 de fevereiro de 2019 | 18:13

Ministro participa do Fórum de Infraestrutura do Citi

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, participou, em São Paulo (SP), de evento promovido pelo banco norte-americano Citi para apresentar a investidores os projetos do Governo Federal e os rumos do setor de infraestrutura no país. O Fórum foi aberto pelo presidente do Citi Brasil, Marcelo Marangon, e contou também com a presença da secretária de Fomento, Planejamento e Parcerias do Ministério da Infraestrutura, Natália Marcassa, e do secretário de Articulação de Políticas Públicas do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), Pedro Souza.

De acordo com o ministro, os investimentos em infraestrutura num cenário de crise fiscal somente serão possíveis com a participação do investidor privado. “Em breve, haverá uma reunião do conselho do PPI onde vamos qualificar novos projetos, como a concessão da BR-381 (MG) e da BR-262 (ES), que é uma rodovia importante para a ligação com o Vale do Aço”, disse Freitas. Outro projeto que será qualificado pelo ministério é a BR-230, no trecho que faz ligação da BR-163 ao porto de Miritituba, por onde trafegam 1.100 carretas por dia. Já a concessão da BR-163, entre Mato Grosso e Pará, terá um prazo de 10 ou 15 anos. Segundo o ministro, “este será o tempo em que o projeto da Ferrogrão se estrutura e fica de pé”.

No evento, Freitas também reforçou que, em breve, o governo vai publicar o edital da BR-364/365, entre Goiás e Minas Gerais, e, em seguida, vai iniciar as consultas públicas das BR-381/262, BR-163/230 e BR-153. Além disso, outros 1.700 km estão sendo estudados pelo BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento) para serem concedidos à iniciativa privada. O ministério também avalia a concessão da BR-251 (MG) e da BR-364 (RO), que é uma rodovia essencial para o agronegócio.

PORTOS E AEROPORTOS – A respeito dos arrendamentos portuários, o ministro citou o Porto de Açu, que teve contrato de adesão assinado na segunda-feira (18) e irá garantir investimentos de R$ 16 bilhões. No setor aeroportuário, o governo vai leiloar 12 terminais no dia 15 de março, na Bolsa de Valores de São Paulo. “Na sequência, colocaremos para estudo a 6ª rodada e a 7ª, que será a última”, pontuou Freitas.

Entre os meses de março e abril, o ministério vai realizar 23 leilões, que incluem 12 aeroportos, 10 terminais portuários e a Ferrovia Norte-Sul. A expectativa de arrecadação (outorga) dos empreendimentos ultrapassa os R$ 3,5 bilhões e os investimentos estimados são de R$ 7 bilhões.

Fonte: Ministério da Infraestrutura

Deixe um comentário:

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*


146 queries in 3,947 seconds