-->
Home | Jornal Multimodal | Concessão da Dutra é tema de encontro entre Ministério da Infraestrutura e Fiesp
Postado em 13 de fevereiro de 2020 | 19:52

Concessão da Dutra é tema de encontro entre Ministério da Infraestrutura e Fiesp

O novo modelo de concessão da Rodovia Dutra vai permitir uma redução de 20% na tarifa de pedágio. A afirmação foi feita pelo ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, na manhã desta quinta-feira (13), durante encontro promovido pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), em São Paulo (SP).

A Dutra, tema principal da reunião, será a rodovia mais moderna do Brasil, segundo o ministro. Ele ressaltou que o objetivo do Governo Federal é transferir o máximo de ativos para a iniciativa privada. “Por isso, estamos modelando muitas concessões. A ideia é fazer cerca de 17 mil km nos próximos anos, o que é um grande desafio. A gente está com mais de 5 mil km para lançar, e a Dutra é um pedaço disso”, destacou.

Freitas, que aproveitou para anunciar a data do lançamento do leilão da BR-101/SC no dia 21 de fevereiro, explicou que a concessão da Dutra será a primeira num novo modelo que prevê o pagamento, pela empresa vencedora do leilão, de outorga ao governo. De acordo com o ministro, o modelo está sendo elaborado em parceria entre o Banco Mundial e a Empresa Brasileira de Planejamento e Logística S.A. (EPL).

“Nós precisávamos trazer o que tem de melhor em termos de estruturação, por isso recorremos à experiência do Banco Mundial nas estruturações das concessões de São Paulo”, afirmou Freitas. “E, por mais que a gente tenha procurado fazer o melhor em termos de modelagem, nós não somos os donos da verdade”, disse. “Os prefeitos e empresários têm uma importância muito grande nesse processo, porque vivem situações que, às vezes, a gente não consegue detectar. E o momento de incorporar contribuições é justamente esse”, completou.

O encontro contou ainda com a participação do presidente da Fiesp e do Ciesp, Paulo Skaf, do secretário de Transportes Terrestres do Ministério da Infraestrutura, Marcello Costa, da secretária de Fomento, Planejamento e Parcerias, Natália Marcassa, e do diretor-presidente da EPL, Arthur Lima, além de diretores da Fiesp e do Ciesp, prefeitos, empresários e presidentes de sindicatos da região do Vale do Paraíba e de Guarulhos.

Fonte: Ministério da Infraestrutura


138 queries in 2,886 seconds