-->
Home | Highlights | Entrada da soja deve reduzir exportação de milho nos próximos meses
Postado em 26 de fevereiro de 2020 | 17:31

Entrada da soja deve reduzir exportação de milho nos próximos meses

O avanço da colheita da soja, que é o carro-chefe na safra de verão, deve fazer as exportações brasileiras de milho milho nos próximos meses diminuir. A Scot Consultoria informa que em fevereiro, até a segunda semana (10 dias úteis), o Brasil exportou, em média, 25,65 mil toneladas do cereal por dia. Na comparação com janeiro, houve queda de 75,4% no volume diário embarcado e de 67,9% frente a fevereiro de 2019.

Por outro lado, em fevereiro, a média diária exportada de soja cresceu 185%, totalizando 192,81 mil toneladas. Ainda assim o embarque foi 26,8% menor que a média de fevereiro do ano passado.

A empresa afirma que as exportações de milho deverão ser retomadas no segundo semestre, após a colheita da segunda safra. “A expectativa da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) é de que o país exporte 34 milhões de toneladas do cereal nesta temporada, frente ao recorde na safra passada, de 41,17 milhões de toneladas”, diz.

No entanto, com um dólar valorizado, esse volume poderá ser revisado para cima nos próximos relatórios, o que enxugaria ainda mais as estimativas de estoques finais na temporada.

Fonte: Canal Rural


156 queries in 3,791 seconds