-->
Home | Anote | Serviços: insumos estratégicos para a competitividade das exportações brasileiras
Postado em 17 de abril de 2019 | 18:42

Serviços: insumos estratégicos para a competitividade das exportações brasileiras

Durante o ENASERV 2019, que trouxe o tema “O Aumento da Inserção do Brasil no Comércio Internacional de Serviços”, o secretário de Comércio Exterior (Secex) do Ministério da Economia, Lucas Ferraz, afirmou que os serviços são insumos estratégicos para a competitividade das exportações brasileiras em todos os setores, particularmente da indústria. O secretário analisou o fato de a pauta comercial brasileira ser concentrada em poucos parceiros, sendo os EUA e a União Europeia os parceiros comerciais “mais relevantes para o Brasil, quando se trata de comércio de serviços”.

Segundo Ferraz, A Secex busca a rota dos acordos comerciais, a liberalização da cabotagem intra-Mercosul e a redução/eliminação dos impostos que incidem o freight marítimo. “Essa medida deverá ser acompanhada de outras iniciativas de aumento de competitividade do setor de cabotagem brasileiro”, explicou. O evento também debateu os meios de pagamentos internacionais, Siscoserv, nota fiscal eletrônica e legislação tributária.

Fonte: Assessoria de Comunicação da AEB


141 queries in 2,746 seconds