-->
Home | Anote | Rússia responde a sanções da Ucrânia e aumenta lista de produtos proibidos
Postado em 22 de abril de 2019 | 18:55

Rússia responde a sanções da Ucrânia e aumenta lista de produtos proibidos

O primeiro-ministro da Rússia, Dmitri Medvedev, assinou um decreto que amplia as sanções econômicas impostas à Ucrânia. A medida aumenta a lista de produtos proibidos para importação do país vizinho. O primeiro-ministro russo afirmou que o país se viu diante da necessidade de dar uma resposta às medidas dos ucranianos. Em março, o presidente ucraniano Petro Poroshenko havia colocado sanções contra companhias russas e cidadãos, incluindo produtores de alumínio e energia. A Ucrânia tenta responder ao apoio russo á insurgência de rebeldes no leste do país desde 2014.

“Vários dias atrás o Governo da Ucrânia deu outro passo hostil em relação ao nosso país, ampliando a lista de mercadorias russas proibidas. Nestas condições, somos obrigados a defender nossos interesses e tomar medidas de resposta”, declarou Medvedev. A proibição vai de máquinas automotrizes ucranianas a produtos da indústria leve, cujo valor chegou no ano passado a quase US$ 250 milhões, segundo o governo russo.

Fonte: Jovem Pan


144 queries in 3,432 seconds