-->
Home | Anote | NTC&Logística aponta defasagem no preço do frete
Postado em 31 de agosto de 2020 | 17:08

NTC&Logística aponta defasagem no preço do frete

Os valores do frete rodoviário de carga no Brasil tem defasagem média de 13,6%. Além disso, as transportadoras oferecem descontos de, em média, 4,7% nos transportes contratados. De acordo com dados da NTC&Logística, em um estudo regular para mapear a atividade no País essa é a atual situação do frete pelo país. O levantamento é feito pelo Departamento de Custos Operacionais (Decope) e conta com a participação de 7.236 transportadoras.

Dessa forma, o novo índice ficou um pouco menor que os 13,9% registrados no início do ano. Em tese, o mercado costuma reajustar os valores de frete, através das transportadoras, anualmente, entre março e junho. No entanto, com a covid-19 e a retração do setor, as empresas não estão conseguindo repassar a alta. Assim, comprometendo a saúde financeira das transportadoras.

O levantamento feito pela NTC revela que 52,2% das transportadoras pesquisadas estão concedendo descontos médios de 10,2% nos fretes. Das empresas participantes do levantamento, 11% reajustaram os preços após o início da pandemia. A alta foi de, em média, 7,8%. Do total de companhias consultadas, 36,7% não fizeram reajustes nem deram descontos.

 

 

Fonte: Frota & Cia


138 queries in 5,070 seconds