-->
Home | Anote | Fim das operações fabris da Ford é alerta para governo iniciar reformas, diz Abimaq
Postado em 14 de janeiro de 2021 | 18:13

Fim das operações fabris da Ford é alerta para governo iniciar reformas, diz Abimaq

Segundo o presidente da associação, a carga tributária que incide sobre o setor industrial brasileiro é de 33%, sendo que a agricultura recolhe 1,9% e a mineração de 4,4% a 4,8%.

O presidente da Associação Brasileira da Indústria e Máquinas e Equipamentos (Abimaq), José Velloso, disse que o fechamento das operações da Ford no Brasil é um alerta importante para o governo federal iniciar as reformas estruturais e, assim, diminuir o custo Brasil.

Segundo ele, a carga tributária que incide sobre o setor industrial brasileiro é de 33%, sendo que a agricultura recolhe 1,9% e a mineração de 4,4% a 4,8%. “A indústria paga a conta dos serviços, da construção, do agronegócio, da mineração. É um fardo muito pesado. Estão matando a galinha de ovos de ouro. É uma luz amarela que está piscando”, disse Velloso.

O dirigente ressaltou que, desde 2008, a Abimaq vem alertando sobre o risco de desindustrialização do país, com o custo Brasil cada vez maior na produção industrial.

“Esse processo vem ocorrendo há 20 anos e vai se acelerar. Em 2000, a indústria era responsável por 25% do PIB (Produto Interno Bruto), agora, representa 11%. É imprescindível que o Executivo e o Legislativo tomem a resolução do custo Brasil como prioridade. Se isso não acontecer, vamos ver mais indústrias fechando. As reformas precisam ser feitas.”

 

 

 

 

Fonte: Valor


145 queries in 3,245 seconds